AssinaturasCategoriasEstadão

WhatsApp: aprenda a se proteger de golpes no app

Lista de estratégias para fisgar os usuários do aplicativo é extensa, mas alguns cuidados previnem contra os ataques dos criminosos

A popularização da tecnologia tem seus benefícios inegáveis, mas traz a preocupação com o bom uso dos dispositivos. Agora, a bola da vez é o WhatsApp. A saber: o Brasil é um dos países com maior número de usuários do aplicativo de mensagens, que também faz sucesso no Canadá, Alemanha, Índia e Reino Unido. Por aqui, são mais de 120 milhões de participantes do app, de acordo com números oficiais divulgados em 2018.

Portanto, tamanha procura não ia deixar de atrair a atenção dos criminosos, dispostos a encontrar brechas nos sistemas, bem como apostar na boa-fé das pessoas. Segundo dados do Relatório de Segurança Digital, produzido pelo DFNDR Lab, foram identificados mais de 44 milhões de ameaças disseminadas via app de mensagens instantâneas entre outubro e dezembro de 2017.

CONFIRA TAMBÉM: Cuidados para não ser infectado por vírus

Variedade de golpes

De fato, a lista de golpes é extensa. Basta uma rápida pesquisa no noticiário para perceber o quão ousados são os malfeitores. Tem tramoia de todo tipo: anúncios em sites de compra e venda de produtos que resulta em pedidos de dinheiro para parentes; promessa de 100 GB de dados de internet para o celular; acesso falso ao WhatsApp web e até oferta de bolsa Louis Vutton por R$ 750 (os modelos custam bem mai que isso).

Itaci Batista/Estadão Conteúdo

Apesar da criatividade, todos os golpes têm o mesmo objetivo: “fisgar” os usuários do aplicativo. Essa prática é conhecida como “phishing”, que usa ofertas fora dos padrões razoáveis como “iscas”. Literalmente, o barato pode sair caro. Com isso, a prevenção nunca foi tão necessária.

CONFIRA TAMBÉM: Como aperfeiçoar as fotos com o smartphone

Dicas

Mas não fique tão assustado. Afinal, dá para resumir os principais cuidados contra os ataques via WhatsApp em cinco “normas”:

1 Desconfie de mensagens que possuam erros ortográficos ou gramaticais.

2 Evite responder mensagens que sugerem o envio de informações pessoais.

3 Não repasse mensagens conhecidas como “corrente”.

4 Cuidado com links sugeridos encurtados, que costumam levar a sites falsos.

5 Não acredite em informações que prometem recursos novos ou premium.

Antivírus

Se essas dicas forem seguidas, já é meio caminho para se proteger. Mas um bom antivírus é necessário também. Pois participantes do Km de Vantagens, maior programa de fidelidade do Brasil, consegue adquirir produtos e serviços da McAfee com descontos.

CONFIRA TAMBÉM: Formas para resgatar seus Km acumulados

Na troca por 50 Km, dá para obter 3 meses grátis de licença McAfee, protegendo assim até 100 dispositivos da sua família ou empresa. Dessa forma, a McAfee garante total segurança de sua vida digital.

CONFIRA TAMBÉM: Game para os apaixonados por futebol

Etiquetas
Ver mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Navegação off-line