CategoriasFutebol

Corinthians: motivos para acreditar e duvidar na classificação na Libertadores

Em semana difícil, Timão precisa vencer o Guaraní do Paraguai para passar à próxima fase da competição

As coisas não andam nada fáceis para o Corinthians ultimamente. Além da derrota para a Inter de Limeira, no último domingo (9) em casa, pelo Campeonato Paulista, as fortes chuvas dessa segunda-feira (10) impediram Tiago Nunes de treinar a equipe para o importante duelo desta quarta-feira (12), pela pré-Libertadores.

E é um desafio e tanto. Afinal, o Corinthians, na história, sequer fez gols no Guaraní, do Paraguai. Agora, precisa de ao menos dois para reverter a derrota em Assunção, semana passada. Para quem é corintiano, sofrimento é regra, modo de vida. E a história já deu mostras que o Timão vive entre a glória e a decepção ao longo de seus quase 110 anos.

Para comprovar isso, trazemos três jogos em que o Corinthians conseguiu reverter resultados aparentemente perdidos, especialmente em disputas mata-mata. Mas também relembramos três partidas onde a decepção com tons de vexame tomou conta da Fiel.

Exemplos para acreditar

Corinthians 2 x 1 Santos (Paulista 2001)

Na ocasião, a equipe da Vila – que jogava pelo empate – saiu na frente com Renato. Entretanto, Marcelinho empatou um minuto depois. Nos segundos finais da etapa final, Gil, na ponta esquerda, partiu para cima do zagueiro André Luís e depois cruzou. Por sua vez, Marcelinho viu Ricardinho se deslocar e abriu as pernas, deixando a bola passar para o meia, que acertou o canto direito de Fábio Costa, colocando assim o Timão na final.

Corinthians 4 x 1 Flamengo (Taça de Ouro 1984)

Na partida de ida, no Rio de Janeiro, o Flamengo levou a melhor. Afinal, fez 2 a 0 na primeira parte do duelo das quartas de final do Campeonato Brasileiro. Mas a virada veio com juros e correção: 4 a 1 para um público hoje inimaginável de 120 mil pessoas no Morumbi. No confronto decisivo, os gols foram de Biro-Biro, Wladimir, Édson e Ataliba. Aliás, Paulinho ainda marcou contra. Aliás, um detalhe curioso: o placar eletrônico do Morumbi indicou os horários da ponte aérea de volta para o Rio.

Corinthians 4 x 3 Rosario Central (Libertadores 2000)

Na primeira fase, confrontos com Olimpia (Paraguai), LDU (Equador) e América (México). Então, veio o mata-mata e o Corinthians enfrentou o Rosario Central. Perdeu na Argentina por 3 a 2 e devolveu o placar em São Paulo. Depois, o time do Parque São Jorge levou a melhor nos pênaltis. Entretanto, o Corinthians acabou parando na semifinal daquele ano.

Decepções históricas para esquecer

Tolima – COL 2 x 0 Corinthians (Libertadores 2011)

Corinthians - Libertadores
Protesto da torcida do Corinthians após a eliminação para o Tolima – Daniel Teixeira/Estadão Conteúdo

Em 2011, o Timão encarou o desconhecido Tolima, da Colômbia, na disputa por uma vaga na fase de grupos da Libertadores. No Pacaembu, um empate sem gols. Com isso, a equipe viajou precisando de uma vitória simples. Mas deu tudo errado: Santoya e Medina marcaram e o Tolima decretou ao clube brasileiro um dos seus maiores vexames.

Corinthians 2 (1) x (4) 2 Audax (Paulistão 2016)

O surpreendente Audax já havia superado o São Paulo na fase anterior. Pois diante de 40 mil torcedores, o Corinthians foi surpreendido: ficou apenas no empate por 2 a 2 no tempo regulamentar e teve que decidir a vaga na final nos pênaltis. Mas apenas André acertou a cobrança. Aqui, mais uma eliminação em seu estádio.

Corinthians 1 x 3 River Plate (Libertadores 2006)

Tudo parecia conspirar para uma classificação às quartas da Libertadores de 2006. Se na Argentina o River venceu por 3 x 2, no Pacaembu a empolgação virou frustração. Na ocsião, Tevez abriu o placar para o Corinthians, mas Gonzalo Higuaín e companhia viraram para 3 x 1, fazendo do Pacaembu um velório. Para completar, a torcida ameaçou invadir o campo.

“Corinthians joga, eu vou!”

Fidelidade é algo que se demonstra na prática. Aliás, a torcida corintiana sabe bem disso. Mas, se você quer ver o Timão de perto, saiba que há um grande parceiro para dar aquela força. O Km de Vantagens da Ipiranga oferece desconto, na troca por pontos, para vários torneios do calendário. Além disso, é possível comprar passagens aéreas através da Latam Pass e também garantir a hospedagem no Hotéis.com, tudo com ótimos descontos. Portanto, acesse kmdevantagens.com.br e saiba mais.

Etiquetas
Mostrar mais

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo

Navegação off-line

Fechar